Da Redação – Foto: Fifa (Reprodução)

Sem data prevista para o retorno das competições de futebol pelo mundo, a Fifa comunicou que irá distribuir US$ 150 mil (equivalente a R$ 840 milhões) a todas associações filiadas. Quando e como será feito não foi revelado.

O presidente Gianni Infantino declarou que esse é “o primeiro passo de um amplo plano que a entidade está desenvolvendo para ajudar a comunidade futebolística”. E concluiu: “É dever da FIFA estar lá e apoiar aqueles que enfrentam necessidades”.

A pandemia provocada pela Covid-19 alterou o calendário da atual temporada, e sem uma resposta das autoridades sanitárias para o fim da crise, clubes pequenos e grandes estão de portas fechadas, a maioria sem recursos para cumprir suas obrigações básicas.

Aqui no Brasil, a CBF anunciou ajuda de R$ 19 milhões para clubes das séries C e D e para o futebol feminino. A medida gerou protesto dos clubes que no momento estão sem vaga em outras competições – os chamados sem série – e não foram contemplados.