Sempre tem uma primeira vez

Falôôô... A opinião de Jota Jota
Jota Jota

Só mesmo o sobrenatural do Almeida poderia evitar a queda do até então invicto cruzeiro, para a série B do campeonato brasileiro, desfalcando o quarteto, que até então era formado por Flamengo, Santos, São Paulo e ele o estrelado Cruzeiro. Além de não conseguir fazer o dever de casa, ainda teve o empate do Ceará com o Botafogo, permanecendo na elite o Vovô do Ceará.

Foram muitas as razões que levaram a Raposa para o abismo, a começar pelo extra campo, com a coisa indo parar na polícia, a falta de pagamento de salários, e a péssima produção de um elenco considerado caro, que não deu ao torcedor as alegrias esperadas, e tudo juntado deu no deu, o time da Toca da Raposa amargou o gostinho de uma queda. Sempre tem uma primeira vez, e agora foi o Cruzeiro quem debutou no rebaixamento.

Foi uma rodada final que mexeu com as emoções de toda galera que gosta do futebol. Foram 10 jogos que tiveram a sua importância, porque estava em jogo também, a dança das cadeiras, e neste quesito, o Santos foi a bola da vez. Bateu o Flamengo de Jorge Jesus, com uma goleada inimaginável, 4 a zero no Flamengo, conseguindo ser o vice-campeão da competição, uma bela carimbada na faixa rubro negra.

As cortinas do espetáculo foram fechadas, com a decepção de Avaí, CSA, Chapecoense e o Cruzeiro, a Chape também é a primeira queda, mas ela veio galgando os acessos, e permaneceu na Série A por 3 anos, ou seja, ela conhece bem as divisões de acesso. Agora uma pausa, para que os jogadores possam descansar, as diretorias repensarem suas administrações, e reformularem seus elencos, ou até reforçarem os que foram bem na temporada.

Ainda tem emoções vindo aí, é o Flamengo no Mundial de Clubes, que todos esperam chegue nas finais, para enfrentar o Liverpool, isso se zebras não pintarem pelo caminho.

#PRONTOFALEI.