Um final de semana sem derrotas para baianos

A opinião de Jota Jota
Jota Jota

Tivemos na sexta-feira 28 e no sábado 29, jogos que envolveram clubes baianos pelas séries C, quando o Jacuipense recebeu e empatou com o Botafogo da Paraíba em 1 a 1, time cotado para ser um dos quatro a subirem para a série B em 2021. Na sequência, na série B o Vitoria venceu mais uma e manteve a sua invencibilidade, ao bater o Paraná Clube por um a zero, quebrando a invencibilidade do time paranista, e finalmente a série A, quando o Bahia empatou com o Palmeiras por um tento, atuando em Pituaçú. Foram três jogos com dois empates, e um triunfo, ninguém perdeu.

Claro que o melhor para o futebol baiano, teria sido que tivéssemos conseguido nove pontos, e não apenas cinco, mas é preciso que se diga, que os três clubes, não enfrentaram nenhuma galinha morta, todos os oponentes chegaram com recomendações, pelo que vinham apresentando em suas séries, chamando sim a atenção, pelos pontos conseguidos, e as classificações em que se encontravam.

Apesar de estarem bem próximos ao pelotão de frente, nossos clubes ainda precisam se encontrar, temos visto partidas em que a performance, tem deixado muito a desejar, faltando em nossa visão, peças que fomentem os setores de criação, e também do ataque, tanto do Bahia, como do Vitoria, sem deixar de lado o Jacuipense, que com seus próprios esforços, vem se safando das dificuldades, haja vista que a FBF, não estende a mão para seu ninguém.

Mesmo que estejam conseguindo seus pontos, aos trancos e barrancos, e o sofrimento do torcedor seja constante nos jogos, a situação de todos ainda é estável, sem o medo de ser porteiro, ou até mesmo hóspede do Z-4, o condomínio do rebaixamento, mas é preciso que ações de melhorias, sejam empregadas rapidamente, porque lá se foram seis rodadas, e a reta final, está logo ali depois da curva do primeiro turno.

#PRONTOFALEI