Da Redação
Internacional 1×3 Vitória Foto Pedro H. Tesch-AGIF

De forma incontestável, o Vitória bateu o Internacional por 3 a 1 no Gigante da Beira Rio, reverteu a derrota do Barradão e garantiu passagem para a fase de oitavas de final da Copa do Brasil.

O Leão se junta a Bahia, Juazeirense, ABC, Fortaleza e CRB, clubes da região nordestina que irão formar o grupo de 16 equipes que disputarão a próxima fase da competição.

Os quatro gols da partida foram marcados no segundo tempo. Samuel, Eduardo e Guilherme foram autores dos baianos, enquanto Jhonny descontou para os gaúchos.

O Colorado, que teve dois jogadores expulsos na etapa final, é mais um time da Série A que cai para um adversário de uma divisão inferior, no caso a Série B, competição disputada pelo Rubro-Negro baiano.

Para a disputa das oitavas de final, 15 equipes já são conhecidas: Santos, Fluminense, São Paulo, Grêmio, Criciúma, Atlético Mineiro, Athletico, Atlético-GO, Vasco, Bahia, Juazeirense, CRB, ABC, Fortaleza e Vitória.

A última vaga sairá do confronto entre Flamengo e Coritiba. No primeiro duelo, realizado no Couto Pereira, o time carioca venceu por 1 a 0 e jogará no Maracanã pelo empate.

Outros jogos da noite:

Coritiba 0x1 Flamengo
Atlético-MG 2×1 Remo
Ceará 0x3 Fortaleza

FICHA TÉCNICA

Internacional 1×3 Vitória

Copa do Brasil – terceira fase – jogo de volta

Data: 10 de junho de 2021, quinta-feira

Horário: 21h30

Local: Estádio Beira Rio, em Porto Algre-RS

Arbitragem: Felipe Fernandes de Lima, Guilherme Dias Camilo e Frederico Soares Vilarinho, todos de Minas Gerais

Gols: Samuel (VIT), aos 24; Jhonny (INT), aos 32; Eduardo (VIT), aos 34; Guilherme (VIT), aos 39min do 2º tempo

Internacional: Daniel; Renzo Saravia, Pedro Henrique, Cuesta e Moisés; Johnny (Boschilia), Edenilson, Patrick e Taison (Maurício); Yuri Alberto (Caio Vidal) e Thiago Galhardo (Lucas Ribeiro). Técnico: Martin Anselmi

Vitória: Lucas Arcanho; Raul Prata, Marcelo, Wallace e Roberto; Mateus Moraes (David), Pablo (Dinei), Gabriel Bispo e Soares (Guilherme Santos); Samuel (Eduardo) e Ygor Catatau (Fernando Neto). Técnico: Ramon Menezes

Cartão vermelho: Pedro Henrique (INT), aos 5min, e Boschilia (INT), aos 46min do 2º tempo