Vitória jogou o necessário para fazer 2 a 0 no Ituano e se manter líder

0
300
ITUANO X VITÓRIA 22-09-2023-DIVULGACAO-ECV

Da Redação – Jota Jota

Com o carisma de quem vem cumprindo as metas para ascender à primeira divisão, o Vitória foi a Itu e venceu o Ituano por 2 a 0, chegando aos 55 mantendo-se líder na competição.

Uma partida em que a equipe treinada por Léo Condé, se manteve tranquila e executando em campo aquilo que o professor pediu, e quando a oportunidade da costumeira bola parada abriu o placar com Matheus Trindade de cabeça, resultado do primeiro tempo.

No intervalo voltou com uma substituição, o autor do gol Matheus Trindade saiu sentindo o posterior da coxa, Dudu entrou, e o meio de campo nada sofreu, enquanto o Ituano partiu para o desespero com as modificações feitas pelo técnico Marquinhos.

Léo Condé com o passar do tempo, fez algumas modificações pontuais para que seu time tocasse a bola, administrando o jogo e consequentemente o placar, à espera de uma oportunidade, e quando ela apareceu Yuri Castilho fez o segundo do Leão da Barra.

Mesmo com jogos que completam a rodada dentre eles o Guarani e o Sport, sejam quais forem os resultados o Rubro Negro tem mais uma semana para gozar a liderança, só voltando a campo na sexta-feira 29 quando recebe o Tombense no Barradão.

FICHA TÉCNICA

Ituano  0 X 2  Vitória

Brasileiro da Série B – 29ª rodada

Est. Novelli Junior – Itu/SP

Data: 22/09/2023 – sexta-feira 21h30m

Árbitro: Felipe Fernandez de Lima (MG)

Assist. 1: Celso Luiz da Silva (MG)

Assist. 2: Leonardo Henrique Pereira (MG)

VAR: Rodrigo Carvalhaes de Miranda (RJ)

Gols: Matheus Trindade – Yuri Castilho (Vitória)

Ituano: Jefferson Paulino; Pacheco, Rafael Pereira, Marcel e Mário Sérgio; José Aldo (Quirino), Rafael Carvalheira (Martan), Yan Rolim (Emerson Urso) e Wesley Pomba (Clemente); Matheus Cadorini e Helio Borges ((Felipe Saraiva). Técnico: Marcinho.

Vitória: Lucas Arcanjo; Railan (Yan Souto), Camutanga, Wagner Leonardo e Edson Lucas; Matheus Trindade (Dudu), Rodrigo Andrade (Marco Antonio) e Matheusinho; Osvaldo (Zé Hugo), Mateus Gonçalves (Yuri Castilho) e Léo Gamalho. Técnico: Léo Condé.