Falôôô… A opinião de Jota Jota

Jota Jota

Ainda bem que a permanência na série B veio com rodadas de antecedência, sem que o Vitoria ter que somar pontos diante do Coritiba em casa. O time do Barradão perdeu na entrada, e para não ter dúvidas, perdeu na saída, pois o Coritiba veio, viu, e venceu de virada, garantindo seu acesso para a elite do futebol brasileiro.

Se perguntarem se o Vitoria jogou mal, até que não, jogou o que sempre apresentou, ou seja, quase nada, fez um a zero, mas não evoluiu além disso, permitiu que o time treinado por Jorginho, controlasse o jogo, e com muita calma, buscou o resultado que o beneficiou, sem depender dos demais resultados da rodada, mostrando que com um elenco coeso, pode recuperar o tempo perdido dentro da competição.

Com um início conturbado, na reta final, o Coritiba emplacou nada mais, nada menos, do que 13 jogos sem conhecer uma derrota, alcançando o G-4 na terceira posição, atrás apenas de Bragantino e Sport Recife, o coxa dá ao seu torcedor, um belo presente de natal, e um ano novo de primeira qualidade, o mesmo presente que o Atlético Clube Goianiense, deu ao seu torcedor no último minuto da rodada, pois teve que esperar o término de América Mineiro 1, 2 para o São Bento.

Quanto ao Vitoria, é juntar os cacos, levantar, sacudir a poeira, e tentar conseguir em 2020, dar a volta por cima, sem cometer os mesmos erros, que vem assolando a agremiação desde 2016, com elencos pessimamente formados, dinheiro jogado no lixo, e administrações AMADORAS, e a batalha tem que começar neste domingo 01 de dezembro, porque segunda é 2, dia nacional do SAMBA, chega de dançar.

#PRONTOFALEI.