Produtores do Distrito de Irrigação de Maniçoba participam de Workshop Agro.br

0
259

Produtores do Distrito de Irrigação de Maniçoba participam de Workshop Agro.br

Evento reuniu mais de 40 fruticultores da região do Vale do São Francisco

Por Carlos Humberto

Em parceria com o Sebrae, a Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) e a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (ApexBrasil) realizaram nos dias 12 e 13 de março, no auditório do Distrito de Irrigação de Maniçoba (DIM), o primeiro Workshop Agro.br para produtores rurais da região, com o objetivo de prepará-los para o desafio de exportar para outros continentes os produtos cultivados na fruticultura do Vale do São Francisco.

A iniciativa teve também o suporte do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar), vinculado ao Sistema S, e da ATeG, programa de apoio às cooperativas e às entidades de interesse social do campo, em apoio aos fruticultores vinculados ao Agro.br.

Para Roberto Vianna, consultor da CNA, o objetivo do evento foi capacitar e qualificar os produtores rurais do segmento de frutas, visando conquistar a necessária certificação que os habilite a vender seus produtos para o mercado externo sem restrições para o consumidor mais exigente.

Segundo o técnico, “o programa Agro.br é inclusivo e gratuito para o produtor que se enquadre nos protocolos legais exigidos pelos países compradores. Nesses dois dias buscamos selecionar produtores pessoa física com perfil mais adequado a trabalhar as questões que envolvem desde a plantação até o gerenciamento da burocracia. Para isso nos cercamos de especialistas capazes de identificar todas as etapas do processo para exportação”, explica Vianna.

Naturalmente vocacionada para a produção da fruticultura, a região do Vale do São Francisco tem a possibilidade de inserir no contexto da exportação o pequeno e o médio produtor, impedindo que a produção não fique apenas nas mãos dos grandes produtores e atravessadores.

Na opinião de Isael Pina Júnior, gestor do programa Agronegócio do Sebrae, a avaliação do encontro foi altamente positiva: “Essa é mais uma grande oportunidade para os produtores rurais atendidos pelo Sebrae dentro do projeto de fruticultura da região, possibilitando ter acesso a informações e conhecimentos importantes no que tange aos processos de acesso a mercado, principalmente para a exportação de frutas, que o Sebrae apoia diretamente ofertando serviços de consultorias especializadas e soluções Sebraetec com a certificação das propriedades que buscam esses mercados”, finalizou Pina.