Vitória bate o Bahia de virada na primeira partida da decisão do Baianão 2024

0
358
Vitoria x Bahia 31-03-2024 Foto Vitor Ferreira
Da Redação

Em clássico tenso e nervoso, alimentado pela histórica rivalidade de suas torcidas, o Vitória bateu o Bahia por 3 a 2, de virada, neste domingo, no Barradão e vai para o jogo decisivo com a vantagem de um empate.

Os gols aconteceram no segundo tempo. Thaciano e Cauly marcaram para o Esquadrão, enquanto Matheus Gonçalves, duas vezes, e Yuri Castilho marcaram os gols do Leão, que dão ao Leão a vantagem de um empate na partida de volta para levantar o título após seis anos de jejum.

O resultado também garantiu a invencibilidade de 22 jogos do Leão atuando no seu estádio.

O jogo de volta, que decidirá a competição, acontece no próximo domingo, na Arena Fonte Nova, às 16 horas.

Matheus Gonçalves Vitoria x Bahia Foto Victor Ferreira ECV

RESENHA

Mais uma vez Vitória e Bahia proporcionaram um clássico emocionante, de muita movimentação e cinco gols, onde os donos da casa, após sair atrás por 2 a 0, apresentou personalidade para reagir fazendo três gols que garantiram o triunfo histórico nos confrontos entre os dois rivais.

PRIMEIRO TEMPO COM CHANCES IGUAIS

Apesar dos esforços, as duas equipes criaram apenas duas oportunidades reais de gol na primeira etapa. A primeira com Alerrandro, que recebeu passe equivocado do goleiro Marcos Felipe e, com a meta desprotegida, chutou para fora. O troco do Bahia veio no finalzinho, quando Thaciano cabeceou e com o goleiro Lucas Arcanjo batido o zagueiro Wagner Leonardo salvou em cima da linha.

REAÇÃO RUBRO-NEGRO É HISTÓRICA

A história da partida começou a mudar com um minuto de bola rolando, quando recebendo passe de Cauly, Thaciano colocou o Bahia à frente do placar no Barradão. Em desvantagem, o Vitória adiantou as linhas, e passou a sufocar o rival em seu campo. Mas, numa roubada de bola, o Bahia desceu rápido para o ataque e ampliou para 2 a 0 através de Cauly. Mostrando que estava vivo, Matheus Gonçalves saiu do banco para entrar na história marcando dois gols aos 21 e aos 44 minutos. Quando tudo encaminhava para um empate, eis que surge Yuri Carvalho para marcar o gol da virada, levando os mais de 30 mil torcedores rubro-negros à loucura no Barradão. A virada também teve um gosto especial, ao manter a invencibilidade de 22 jogos sem perder no seu estádio.